sexta-feira, 22 de junho de 2007

MiFuDi será núcleo da gestão Mangabeira Unger, diz especialista de Harvard


CAMBRIDGE, MASSACHUSETTS, EUA. (22 JUN) – Equipe de pesquisadores de Harvard desenvolveu estudo para auxiliar o novo ministro brasileiro da Secretaria de Assuntos de Longo Prazo (SEALOPRA), Mangabeira Unger, que foi professor dessa universidade. A análise foi coordenada pelo dr. Walther Gate, do Centro de Filosofia Ética Richard Nixon.

Gate apresentou diversas sugestões para Unger, começando pelo nome de sua pasta. Em vez de SEALOPRA, ele propôs Ministério do Futuro (MiFu): “Tem uma conotação muito mais positiva, evocando imagens de filmes famosos como Blade Runner e Matrix, que reforçam o ideal de modernidade do projeto governamental brasileiro.”

O núcleo do novo órgão será a Divisão de Inteligência (MiFuDi) encarregada do planejamento de longo prazo. O principal projeto será a Mobilização de Estudos para Reconstrução, Desenvolvimento e Autonomia (M.E.R.D.A.): “Estou na M.E.R.D.A. e não abro mão disso”, exaltou-se Walter Gate. “A iniciativa me recorda o tempo em que eu era um jovem idealista no Vietnã. A vida era feita de coisas simples, como a noite estrelada, uma tijela de arroz e um amarelo comunista no fim de um fio elétrico. A M.E.R.D.A. tem o mesmo cheiro do napalm: vitória!”

Gate também acredita que o prestígio pessoal do novo ministro possa ser utilizado pelo governo para atrair a confiança de investidores e da opinião pública internacional: “É preciso capitalizar em cima da fama de Mangabeira Unger. Por exemplo, planejamos o lançamento de uma série de adesivos inspirados em suas características mais notáveis. Eles aderem a qualquer superfície e a todos os governos”, conta o professor.

O trabalho para o governo brasileiro tem entusiasmado Gate e ele já busca novas aplicações para suas técnicas: “Veja essa senhora, a Ministra do Turismo... Sua estratégia de gerenciamento de crises com base no relaxamento e no prazer sexual é uma contribuição inspiradora à ciência da administração. O único problema é que sou presbiteriano e não sei se minha religião permite isso. Vocês, católicos, não tem esse problema, não é?”

3 comentários:

Igor disse...

Ladies and Gentlemen,

Welcome to the circus of Brazil!

Depois disso, só me resta uma opção: relaxar e gozar...

Abraços, Maurício!

Patricio Iglesias disse...

Conhece o journal Barcelona? Os dois últimos artigos säo a réplica exata da publicaçäo portenha!
Tenho novo blog! patricioiglesias.blogspot.com
Abraços!

Mauricio Santoro disse...

Dom Patricio,

O Barcelona, e o site americano The Onion, são minha inspiração. Além, claro, da inigualável classe política brasileira.

Abraços